Congresso em Foco

Vídeos e Lives

Mesa: diretor do Instituto Butantan, Dimas Covas; presidente da CPI, senador Omar Aziz (PSD-AM); relator, senador Renan Calheiros (MDB-AL). [fotografo]Edilson Rodrigues/Agência Senado[/fotografo]

Primeira oferta de vacinas ao governo foi em 30 de julho, diz Dimas Covas

27.05.2021 11:31 5

5 respostas para “Primeira oferta de vacinas ao governo foi em 30 de julho, diz Dimas Covas”

  1. luis disse:

    Vender vacina sem liberaçao da Anvisa???????? mostra a real intenção dessa turma de conspiradores. tambem acho que já ta passando da hora de dar um basta nesses baderneiros.

    • RN disse:

      Incompetentes sempre tem uma desculpa esfarrapada…
      Os inteligentes, preocupados com a vida, investiram em vacinas (ainda em estudo), sabendo que iriam receber as doses assim que fossem aprovadas pelos órgãos responsáveis.
      Os vagabundos GENOCIDAS assassinos esperaram tudo o que puderam, para comprar apenas após a aprovação. Assim, postergaram por meses as primeiras doses, o que representou milhares de vidas perdidas.

      • Felix disse:

        Além disso o orgão político/militar Anvisa se esforçou em atrasar e dificultar a aprovação. Eles ainda o fazem com a Sputnik, comprovadamente muito eficaz e usada em dezenas de países países, e com a nova vacina do Butantan, ButanVac. Enquanto isso estamos chegando a 500.000 mortes!

      • Flávio G. disse:

        Pois é… mais de 450 mil mortos, e tem gente ainda tentando defender o quão “acertada” foi a gestão do governo federal com relação à pandemia e vacina. Lamentável.

      • luis disse:

        Comprar qqer item ou bem ou seja ocq for sem teste ou aprovação dos órgãos competentes é burrices. Bom disso vcs entendem né, engarrafadores de vento.
        Em qui, 27 de mai de 2021 21:28, Disqus escreveu:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Se você chegou até aqui, uma pergunta: qual o único veículo brasileiro voltado exclusivamente para cobertura do Parlamento? Isso mesmo, é o Congresso em Foco. Estamos há 17 anos em Brasília de olho no centro do poder. Nosso jornalismo é único, comprometido e independente. Porque o Congresso em Foco é sempre o primeiro a saber. Precisamos muito do seu apoio para continuarmos firmes nessa missão, entregando a você e a todos um jornalismo de qualidade, comprometido com a sociedade e gratuito. Mantenha o Congresso em Foco na frente.

Seja Membro do Congresso em Foco

Apoie

Newsletter Farol Político

Perspectivas exclusivas e a melhor análise do poder

assine

Receba notícias também via