Argentina suspende voos do Brasil por tempo indeterminado

O governo da Argentina decidiu suspender por tempo indeterminado todos os voos regulares que ligam o país ao Brasil, ao Chile e ao México a partir deste sábado (27). A medida será tomada por causa do aumento dos casos de covid-19 nestes três países. Hoje os argentinos fazem essa restrição somente a voos envolvendo o Reino Unido.

O governo de Alberto Fernández tenta impedir a entrada de novas variantes do vírus enquanto avança com a campanha de vacinação. A frequência dos voos entre a Argentina, o Brasil, o Chile e o México já estava reduzida por causa da pandemia. O país também decidiu aumentar o rigor no controle da entrada de pessoas procedentes de voos internacionais, sejam cidadãos argentinos ou estrangeiros. Além de apresentar um teste PCR ao embarcar, será preciso realizar outro ao chegar em território argentino e um terceiro, após uma quarentena de dez dias em casa. Os exames terão de ser pagos pelo próprio viajante.

A Argentina chegou nessa quinta-feira a 55 mil mortes por covid-19. Há mais de 2,2 milhões de casos confirmados. A taxa de ocupação de leitos hospitalares está em torno de 55%. Até o momento 2,8 milhões de pessoas tomaram a primeira dose da vacina e 646 mil já foram imunizados com a segunda dose no país, que tem 45 milhões de habitantes.

Assinantes do Congresso em Foco Premium receberam com antecedência as informações constantes desta matéria. Assine agora você também!

Continuar lendo