Arthur Lira diz que PEC do Voto Impresso será levada ao Plenário

O presidente da Câmara dos Deputados, Arthur Lira (PP-AL), anunciou nesta sexta-feira que levará ao Plenário da Câmara a PEC 135/2019, que busca instituir o voto impresso no país. O presidente disse que "O Plenário é nossa alçada máxima de decisão, a expressão da democracia. E vamos deixá-lo decidir."

Em um discurso de cinco minutos, Lira argumentou que a discussão sobre o voto impresso tem pautado o país - "o Plenário será o juiz desta disputa que, infelizmente, foi longe demais", advertiu No entanto, Lira pontuou que "pela tranquilidade das próximas eleições e para que possamos trabalhar em paz até janeiro de 2023, vamos levar a questão do voto impresso sim ao Plenário."

A ideia, disse, é tomar uma decisão "inquestionável e suprema" sobre o tema. Lira ainda quis afastar-se de qualquer pecha de que poderia estar chancelando um golpe de Estado. "Não contem comigo para qualquer movimento que rompa ou macule a independência e harmonia entre os poderes", disse. "O botão amarelo segue apertado, e segue com a pressão do meu dedo."

O tema deverá ser tratado em reunião de líderes na segunda-feira (9), junto a temas como reforma tributária e eleitoral. Às 18h, segue marcada reunião da comissão especial da Câmara que analisa o voto impresso, e que deve aprovar um parecer rejeitando a proposta.


> Como cada deputado votou na derrubada do parecer da PEC do voto impresso
> Em meio a crise entre os Três Poderes, Fux e Aras se reúnem no STF

Se você chegou até aqui, uma pergunta: qual o único veículo brasileiro voltado exclusivamente para cobertura do Parlamento? Isso mesmo, é o Congresso em Foco. Estamos há 17 anos em Brasília de olho no centro do poder. Nosso jornalismo é único, comprometido e independente. Porque o Congresso em Foco é sempre o primeiro a saber. Precisamos muito do seu apoio para continuarmos firmes nessa missão, entregando a você e a todos um jornalismo de qualidade, comprometido com a sociedade e gratuito.
Mantenha o Congresso em Foco na frente.
JUNTE-SE A NÓS

Continuar lendo