Lesões sofridas por Joice foram por “queda da própria altura”, conclui polícia

A Polícia Civil do Distrito Federal afirmou em nota divulgada há pouco que as investigações sobre lesões sofridas pela deputada Joice Hasselmann (PSL-SP) concluíram que se tratou de incidente causado por “queda da própria altura”. A parlamentar cogitava ter sido vítima de um atentado em seu apartamento funcional, em Brasília.

“Não se evidenciou quaisquer elementos que apontassem para a prática de violência doméstica ou atentado/agressão por parte de terceiros. O procedimento foi encaminhado ao Poder Judiciário e ao Ministério Público e corre em segredo de justiça”, afirmou a polícia.

O conteúdo deste texto foi publicado antes no Congresso em Foco Insider, serviço exclusivo de informações sobre política e economia do Congresso em Foco. Para assinar, entre em contato com [email protected]

A tomar conhecimento da conclusão da investigação, a defesa de Joice, se manifestou por meio de nota dizendo confiar no trabalho da polícia e que a deputada sempre se colocou à disposição para o descobrimento da verdade.

“Ressalta que, de qualquer maneira, o episódio serviu para discutir a segurança nas residências oficiais. A defesa elogia o profissionalismo tanto da polícia legislativa quanto da polícia civil”, diz a defesa.

> Os fios soltos, as fake news e as dúvidas sobre o caso Joice Hasselmann

> “Não terei o mesmo destino de PC Farias”, diz Joice Hasselmann

Se você chegou até aqui, uma pergunta: qual o único veículo brasileiro voltado exclusivamente para cobertura do Parlamento? Isso mesmo, é o Congresso em Foco. Estamos há 17 anos em Brasília de olho no centro do poder. Nosso jornalismo é único, comprometido e independente. Porque o Congresso em Foco é sempre o primeiro a saber. Precisamos muito do seu apoio para continuarmos firmes nessa missão, entregando a você e a todos um jornalismo de qualidade, comprometido com a sociedade e gratuito.
Mantenha o Congresso em Foco na frente.
JUNTE-SE A NÓS

Continuar lendo