Deputado condenado se entrega à Justiça para cumprir pena de 17 dias

Emerson Petriv, o deputado conhecido pelo apelido Boca Aberta (PROS-PR), se apresentou na manhã desta terça-feira (26) ao Centro de Reintegração Social de Londrina, no norte do Paraná. O parlamentar irá cumprir ali os 17 dias de detenção pelo crime de perturbação de sossego, pena a qual foi condenado quando ainda era vereador na cidade.

A pena a ser cumprida por Boca Aberta é em regime semiaberto, onde o parlamentar deve retornar para dormir em uma sala separada dos demais presos. A prisão do deputado foi ordenada na última sexta-feira (22).

Os fatos ocorreram em 2017. Boca Aberta entrou em uma Unidade de Pronto Atendimento (UPA) da cidade e invadiu áreas restritas a médicos e enfermeiros, com o objetivo de filmar e apontar possíveis irregularidades no local. À época, o então vereador alegou que invadiu o local para apurar denúncias vindas de eleitores. Acabou, agora, indo à prisão por conta da questão.

> Dois novos pedidos de impeachment nesta semana: de religiosos e da oposição
> Maia minimiza traições no DEM e diz que ACM Neto intervirá por Baleia

Continuar lendo