Rachadinhas: STF define data para julgar foro privilegiado de Flávio Bolsonaro

O presidente da Segunda Turma do Supremo Tribunal Federal (STF), ministro Nunes Marques, marcou para o dia 14 de setembro o julgamento sobre o foro privilegiado do senador Flávio Bolsonaro (Patriotas-RJ).

A definição da nova data aconteceu após o ministro Gilmar Mendes, relator do caso, atender a um pedido de adiamento feito pela defesa de Flávio.

O parlamentar é acusado pelo Ministério Público do Rio de Janeiro (MPRJ) de receber parte dos salários de seus assessores quando era deputado estadual na Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro (Alerj), a chamada “rachadinha”.

O MP-RJ recorreu ao STF para que o senador não tenha direito ao foro privilegiado no processo, uma vez que os supostos crimes teriam sido cometidos antes de Flávio ser eleito senador em 2018.

A Segunda Turma do STF é composta por mais dois ministros, Ricardo Lewandowski, Edson Fachin. Além de Nunes Marques e Gilmar Mendes.

04 de Bolsonaro teve ajuda de lobista investigado pela CPI para abrir empresa

Senado derrota Bolsonaro e derruba MP da “minirreforma trabalhista”

Se você chegou até aqui, uma pergunta: qual o único veículo brasileiro voltado exclusivamente para cobertura do Parlamento? Isso mesmo, é o Congresso em Foco. Estamos há 17 anos em Brasília de olho no centro do poder. Nosso jornalismo é único, comprometido e independente. Porque o Congresso em Foco é sempre o primeiro a saber. Precisamos muito do seu apoio para continuarmos firmes nessa missão, entregando a você e a todos um jornalismo de qualidade, comprometido com a sociedade e gratuito.
Mantenha o Congresso em Foco na frente.
JUNTE-SE A NÓS

a href="https://api.whatsapp.com/send?phone=5561994359758&text=Quero%20me%20cadastrar%20no%20WhatsApp%20do%20Congresso%20em%20Foco">

Continuar lendo