Oposição e centro criam comitê pró-impeachment e unificam atos contra Bolsonaro

Parlamentardes e presidentes dos partidos que integram a bancada da Minoria na Câmara – PT, PDT, PSB, PSOL, PCdoB e REDE – se reuniram nesta quarta-feira (15) com dirigentes do PV, Cidadania e Solidariedade.

As siglas decidiram formar um comitê pró-impeachment e articularão a adesão de membros de outras siglas de centro e centro-direita, como PSD, PSDB, MDB e DEM, além de movimentos sociais e artistas.

O conteúdo deste texto foi publicado antes no Congresso em Foco Insider, serviço exclusivo de informações sobre política e economia do Congresso em Foco. Para assinar, entre em contato com [email protected].

O grupo decidiu pela convocação conjunta do ato Fora Bolsonaro, previsto para o dia 2 de outubro. A expectativa é contar com a adesão de governadores e prefeitos, em defesa da Constituição, da vida e do meio ambiente e o combate à fome, inflação e desemprego.

Líder da Minoria na Câmara, Marcelo Freixo (PSB-RJ), avaliou que a unidade remete ao espírito do movimento Diretas Já.

“Precisamos ir para as ruas, o governo Bolsonaro é uma ameaça à democracia. É nesse sentido que vários líderes políticos, de diversos partidos, estão convocando para o ato do dia 2. O Diretas Já foi o movimento que garantiu a nossa democracia e que agora a gente precisa lutar para manter”, disse.

>>MBL e Livres não entram em acordo sobre se aliar ao PT contra Bolsonaro

Se você chegou até aqui, uma pergunta: qual o único veículo brasileiro voltado exclusivamente para cobertura do Parlamento? Isso mesmo, é o Congresso em Foco. Estamos há 17 anos em Brasília de olho no centro do poder. Nosso jornalismo é único, comprometido e independente. Porque o Congresso em Foco é sempre o primeiro a saber. Precisamos muito do seu apoio para continuarmos firmes nessa missão, entregando a você e a todos um jornalismo de qualidade, comprometido com a sociedade e gratuito.
Mantenha o Congresso em Foco na frente.
JUNTE-SE A NÓS
Continuar lendo