Após fala de Pacheco, Bolsonaro posta foto junto a militares

No final da tarde desta sexta-feira (9), o presidente Jair Bolsonaro postou uma foto nas redes sociais em que aparece cercado por um grupo de cadetes da Força Aérea Brasileira. A postagem, no Twitter, ocorreu minutos depois de o presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (DEM-MG), conceder entrevista coletiva onde defendeu afirmou na qual fez frente a ameaças à democracia, ao trabalho do Legislativo e à ataques contra o presidente da CPI da Covid, senador Omar Aziz (PSD-AM)

Esta semana o Ministério da Defesa e as Forças Armadas publicaram uma nota repudiando falas do presidente da CPI da Covid. No texto, as instituições afirmam que a narrativa que tem sido construída na Comissão "atinge as Forças Armadas". Na ocasião, o presidente chegou a divulgar a nota nas redes sociais.

 

A CPI tem apurado denúncias de um esquema de corrupção na compra de vacinas pelo Ministério da Saúde. Nas últimas semanas, o clima passou a ficar tenso a partir do surgimento de novas provas e o presidente Bolsonaro começou a elevar o tom, tanto contra a CPI, quanto contra o TSE, inclusive ameaçando a realização das eleições de 2022.

Nesta sexta, pela manhã, Bolsonaro afirmou que "a fraude [das eleições] está no TSE" e chamou o presidente do órgão, ministro Luis Roberto Barroso, de "imbecil".

Paralelo a isso, o presidente vem amargando aumento nos percentuais de rejeição. Pesquisa Datafolha divulgada esta semana mostrou que o índice daqueles que consideram o governo ruim ou péssimo atingiu os 51%, pior marca desde o início do mandato.

> Datafolha: segundo turno mostra Lula com 58% e Bolsonaro com 31% para 2022

> Quem for contra Estado Democrático de Direito é “inimigo da nação”, diz Pacheco
> TSE responde declarações de Bolsonaro sobre eleições de 2022

Se você chegou até aqui, uma pergunta: qual o único veículo brasileiro voltado exclusivamente para cobertura do Parlamento? Isso mesmo, é o Congresso em Foco. Estamos há 17 anos em Brasília de olho no centro do poder. Nosso jornalismo é único, comprometido e independente. Porque o Congresso em Foco é sempre o primeiro a saber. Precisamos muito do seu apoio para continuarmos firmes nessa missão, entregando a você e a todos um jornalismo de qualidade, comprometido com a sociedade e gratuito.
Mantenha o Congresso em Foco na frente.
JUNTE-SE A NÓS

Continuar lendo