Em tratamento contra o câncer, Bruno Covas decide se licenciar do cargo

O prefeito de São Paulo, Bruno Covas (PSDB), decidiu se licenciar do cargo. O comando do município ficará a cargo do vice, Ricardo Nunes (MDB). A informação foi divulgada neste domingo (2) pelo jornal Folha de S.Paulo.

De acordo com o jornal, Covas trata um câncer no sistema digestivo com metástase óssea e seu estado de saúde é considerado delicado. Ainda assim, o prefeito deixou o hospital na semana passada e está sendo tratado em casa.

No Twitter, Covas afirmou: "Obrigado a todos. O apoio e carinho que recebo é essencial para superar os desafios que venho enfrentando. Com força, foco e fé, venceremos".

Em nota oficial, o prefeito afirmou que a licença será de trinta dias e que o foco que precisa dar, neste momento, a sua saúde é incompatível com o exercício responsável de suas funções. Leia a íntegra do comunicado:

Bruno Covas foi reeleito no ano passado, no segundo turno, com mais de 3,1 milhões de votos (59,38%) contra Guilherme Boulos (Psol), que ficou com 40,62% dos votos válidos.

A Câmara Municipal de São Paulo ainda precisa chancelar o pedido oficial de licença, que deve ser encaminhado ao Legislativo nesta segunda-feira (3).

Continuar lendo