Guedes minimiza projeção de queda na arrecadação com tributária: “Já está pago”

Após reunião com o relator da reforma do Imposto de Renda, deputado Celso Sabino (PSDB-PA), na noite desta quinta-feira (29), o ministro da Economia, Paulo Guedes, minimizou as projeções de que as mudanças tributárias devem reduzir a arrecadação em R$ 30 bilhões. O relator afirmou que a arrecadação vai inclusive crescer com as reformas.

Guedes, porém, se mostrou ainda maios otimista e disse que a previsão é que, este ano, a arrecadação registre alta de R$ 100 bilhões a R$ 200 bilhões em relação ao ano passado. “É um cálculo conservador, nós estamos seguros”, disse Guedes. O ministro concluiu que o cálculo de R$ 30 bilhões deve ser visto como uma “alta menor” da arrecadação. “Isso já tá pago”, disse.

O objetivo do presidente da Câmara, Arthur Lira (PP-AL), é votar o projeto de lei em plenário já na semana que vem, na volta do recesso.

> “Mancha a imagem da CGU”, diz Luis Miranda sobre auditoria da Precisa

Se você chegou até aqui, uma pergunta: qual o único veículo brasileiro voltado exclusivamente para cobertura do Parlamento? Isso mesmo, é o Congresso em Foco. Estamos há 17 anos em Brasília de olho no centro do poder. Nosso jornalismo é único, comprometido e independente. Porque o Congresso em Foco é sempre o primeiro a saber. Precisamos muito do seu apoio para continuarmos firmes nessa missão, entregando a você e a todos um jornalismo de qualidade, comprometido com a sociedade e gratuito.
Mantenha o Congresso em Foco na frente.
JUNTE-SE A NÓS

Continuar lendo