Congresso em Foco

Eduardo Bolsonaro defende política de armamento levada a cabo pelo pai, Jair Bolsonaro[fotografo]Divulgação[/fotografo]

PT faz ofensiva contra decretos das armas de Bolsonaro

15.02.2021 18:18 83

83 respostas para “PT faz ofensiva contra decretos das armas de Bolsonaro”

  1. Wellington disse:

    Com aquele maldito estatuto desarmaram a população vieram com a promessa de melhoria na segurança publica, e usaram o argumento de que violência aumentava porque pessoas estavam armadas e essas armas estavam indo parar nas mãos de bandidos, o que já se sabia ser uma grande mentira, aí os cidadãos de boa fé foram e entregaram suas armas, ficaram desarmados, depois disso bandidos continuaram obtendo armas ainda mais robustas e a violência só aumentou, latrocínios nem se fala, o trabalhador virou gado na mão de bandido. Agora o trabalhador está conseguindo se armar novamente e a violência e assassinatos diminuíram, algum ativista contrário às armas pode explicar isso de maneira técnica e sem ideologia?

    Esperando “deitado” por uma resposta.

  2. Mr. Bombarda disse:

    Será que o PT e a esqueda ainda não perceberam que nao apitam e não apitarão mais nada?

  3. Gilcimar Assunção disse:

    liberar arma vai ser bom, o brasil esta precisando de uma guerra civil mesmo, só não reclamem depois.

  4. Gilcimar Assunção disse:

    o terrorista e seus filhos, tem contratos com empresas de armas, por isso querem que liberem de qualquer jeito o armamento no brasil.

  5. Itauna celani barros disse:

    O povo tá precisando é de vacina, e não de armas, seus milicianos.

  6. Daniel disse:

    Eles tem medinho que a população se arme, se junte e arranque eles das prefeituras principalmente do interior tamanha a torpeza desse lock down.

  7. Antônio Cláudio Barbosa disse:

    Onde estavam estes politicos de merda,quando o Brasil estava sendo asaltado pelo PT,via petrobras,via dinheiro(Bilhões),para cuba,africa,chile,venezuela,eles estão interresados em reaver estas fortunas?NÃO,querem é a volta da corrupção que engordou estes vagabundos.A midia não vai conseguir enganar mais,a globolixo,MST,lei ruonet,que engordou muitos falsos artistas,que hojé estão no sufoco porque nunca levou qualidade nem respeito ao seu publico,tentam a todo custo junto com a globolixo tirar dinheiro do governo(Do presidente)fazendo campanha de verdadeiro terror.Mas se deram mal,achou quem tivesse saco roxo e carater para confronta-los.Aumentou e dobrou o numero de armas nas mãos de cidadãos honestos,onde foi que aumentou a criminalidade,onde foi preso cidadão honesto que comprou arma legal.CORJA de vagabundos tentando induzir e iludir a população de bem.Quem mais matou cidadão de bem neste pais este ano,foram governadores e prefeitos que superfaturamam na compra de insulmos para o combate a pandemia.Dilma e lula ronaldinhos artistas,sempre apoiaram estadios de futebol,a despeito de hospitais.ONDE e EM qual Intituição o PT não ROUBOU OU DEU PREJUIZO?Me diga uma instituição que não foi roubada surupiada,quebrada por estes bandidos da esquerda.ME CITE UMA. CORJA DE VAGABUNDOS.E digo mais o STF apoiou e continua a apoiar estes vagabundos da mesma laia.Cabe agora o congresso e senado por um pouco destes bosta para fora dos tribunais.PELO DITO.

    • Gilcimar Assunção disse:

      vai pegar sua alfafa com leite gado, corre que a fila esta grande.

      • Pastor Evangentalha disse:

        Armas são produtos de engenharia de precisão, requerem projeto e desenvolvimento de ponta, a primeira pistola semi automática foi patenteada no século XIX, em 1893 pra ser exato, portanto eram são e sempre serão caras, no Brasil pode ser considerado um produto de luxo, mesmo algumas tendo a qualidade questionável, vcs mortadelas deveriam aproveitar para adquirir algumas pois em uma eventual guerra civil se defenderão como? Com palavras e ideologias vazias?

        • Cocainum disse:

          Armas são fabricadas com o único objetivo de matar. O pessoal vem com a ladainha de que tem o direito de se defender, bla, bla, bla. Como se antes dos decretos você já não pudesse ter QUATRO armas em diferentes locais. Não é o suficiente para se defender? Pra que SESSENTA? Ninguém deu um argumento lógico ainda. Se o sujeito coleciona, que seja tratado de forma diferente de quem é caçador ou atirador e que tenha suas armas modificadas para que não possam disparar. Nessas condições, se quiser ter 1.000 armas, não vejo nenhum problema. Mas por qual razão uma só pessoa precisa ter 60 armas novas e prontas para serem usadas?

          • Pastor Evangentalha disse:

            Concordo que 60 armas é um número desproporcional, possuo três armas e acredito que gastei até hj algo em torno de 30 mil reais considerando as documentações necessárias, anuidade do clube e munições, o fato de colecionadores, atiradores e caçadores seguirem na prática o mesmo regime é sem dúvida questionável, porém em tese cacs não podem usar as armas em defesa própria para isso existe outro regime de registro de armas, o sinarm controlado pela PF, eu conheço algumas legislações de outros países e acredito que a legislação brasileira por incrível que pareça é moderna, baseada não somente nos tipos de armas permitidas mas tb em relação a energia dos calibres permitidos, a questão burocrática que é absolutamente necessária porém demasiada onerosa para qualquer um que queira possuir armas já é na prática um impeditivo para a disseminação de armas entre civis!

  8. Alexandre Ribas disse:

    A imprensa deveria ouvir os CACs também. Cadê a democracia? Tem que ouvir o outro lado. Acusar os CACs de serem coniventes com o crime é correto? São quase 400 mil CACs, quantos são criminosos?? Não existem estatísticas sobre isto. Os veículos provocam milhares de mortes por ano.( seus motoristas), vamos acabar com os veículos??

  9. Leo O disse:

    A maioria dos comentários favoráveis ao armamento da população vem de lobistas ou grupos armamentistas organizados. Organizam-se através de aplicativos de comunicação para defender a sua pauta reacionária e extremista. A defesa das armas é apenas mais uma dessas pautas. Não há qualquer compromisso com a liberdade individual, é simplesmente fanatismo, interesse econômico ou até mesmo algum distúrbio psicológico.

    O Bolsonaro fala em armar a população para não ser escravizada. Mas quem iria escravizar a população? Só é possível escravizar através da força e violência. Únicas instituições capazes de usar a violência de maneira organizada são as polícias e as Forças Armas. Bolsonaro está dizendo que é necessário armar-se contra instituições de Estado?

    O decreto presidencial apenas facilita a vida de bandidos e milicianos. Pois o colecionador ou atirador esportivo que respeitam as leis, mesmo com uma maior burocracia, vão continuar tendo suas armas. Mas o miliciano enxerga brechas valiosas para poder montar um verdadeiro arsenal. Questão aritmética: um miliciano vai poder se passar por atirador esportivo e comprar até 60 armas. 100 milicianos compram até 6 mil armas legalmente. Uma maravilha.

    Não bastassem as mais de 50 mil pessoas assassinadas por armas de fogo no país por ano, o governo está formalizando o surgimento de grupos paramilitares.

    Ainda citam o exemplo dos Estados Unidos. O pior exemplo possível. Pois trata-se do país desenvolvido com maior número de mortes por armas no mundo. Todos os anos milhares de crianças são mortas ou feridas por seus pais terem armas em casa. Os massacres contam-se às centenas. Massacres sem motivações claras, somente pelo desejo de matar para não ser escravizado por entidades fantasmagóricas.

    • Alexandre Lima disse:

      Eu até entendíamos você tem uma capacidade e concatenar palavras e frases. O problema é que seu viés é tão desconectado da realidade que vale a pena nem perder tem

    • Thexter disse:

      Como você é IGNORANTE, cara!
      Eu mesmo me arrependi de ter votado no Bolsonaro e gostaria que ele saísse. Mas esse é o ÚNICO ponto que ele está certo.
      Coloca uma coisa na cabeça: MILICIANO E BANDIDO NÃO COMPRA ARMA EM LOJA! Eles compram armas vindas do Paraguai e da Bolívia. Você acha que bandido usa a G2C (pistola pequena mais vendida entre os CACS)?
      Você acha que bandido espera 60 dias para ter o registro da arma?
      Eu até acho que 60 armas é algo exagerado, mas é melhor dar LIBERDADE do que restringir. Se o cara quer ter uma coleção de pistolas e espingardas, problema é dele. Acho que só sendo rico pra ter mais de dez armas.

    • Jorge Teixeira Carneiro disse:

      Como todo bom defensor do ”direitusdusmanos”, vc só se preocupa com o lado ”miliciano” da questão.
      Miliciano é igual a traficante, ele não precisa ter porte de arma, ele porta a arma que quiser sem ter porte de arma.
      E nem precisa de autorização de governo para importar qualquer arma, ele compra arma direto dos traficantes de armas que atuam à vontade nas fronteiras.
      Um deles acabou de sair do presídio de segurança máxima pela porta da frente autorizado por um alvará enviado por email.

  10. Wellington disse:

    A substituição de laudo por declaração é só em caso de RENOVAÇÃO do CR, está bem claro lá no decreto, mas infelizmente a turma dos canhotos só sabem ler direitinho quando é habeas corpus pra soltar seus corruptos.

  11. LEANDRO REIS disse:

    CHORA ESQUERDAAA

  12. Ze do bosque disse:

    Armas deve ser prioridade. O povo quer armas. O resto tipo dólar empregos natureza gasolina, inflação fica pra depois.
    Não vejo a hora de comprar barato meu canhão cromado importado pra exibir no bar aos meus amigos.

    • Jorge Teixeira Carneiro disse:

      Quer comprar uma metralhadora ponto 50?
      Vou falar com o pessoal da Maré, aquele pessoal gente boa que foi colega de infância da Marighella Franga.

      • Ze do bosque disse:

        É muito superfaturado arma clandestina. Paga-se 5 vezes mais. Graças ao Bolsonaro dá pra comprar muito mais em conta.

        • Jorge Teixeira Carneiro disse:

          Que nada.
          É barato, já que a importação não paga imposto nenhum.
          E é desburocratizado, amanhã mesmo você já está com a sua arma na mão para poder caçar os seus helicópteros à vontade.
          E detalhe, a munição é ”free-refil”.

    • Wellington disse:

      Barato você não vai comprar, sai dessa ilusão, começa juntar dinheiro pq o investimento é razoável.

  13. Fernando Labombarda disse:

    Nao gente, nao quero ser um grupo paramilitar do bolsonaro, só quero ter as minhas armas em paz kkkkk.
    Cada tese de lunatico que esses petralhas arrumam: bolsonaro formando exercito paramilitar kkkkkkk

  14. Fabiano Hen Sch disse:

    corruPTos! Podem chorar! Vcs não vão se eleger nem pra síndico! Adeus

  15. Erika Leticya disse:

    As pessoas tem o direito de terem uma arma em casa sim, Obviamente que legais e com o registro e capacidade para tal.

  16. Luciano Napoleão disse:

    É sintomático!! O PT, que é a favor de invasão de terras pelo MST, invasão de propriedades pelo MTST, vandalismo de Black Blocs é contra o cidadão comum ter armas para se defender!!!!

  17. Cocainum disse:

    Alguém pode, por favor, explicar com argumentos lógicos por que uma pessoa precisaria possuir 60 armas?

    • Jorge Teixeira Carneiro disse:

      Basta ser traficante do CV no Rio de Janeiro que eu te ”agarantcho” que é tudo necessário.
      Para as diversas atividades econômicas da empresa.
      Quer que eu faça um fluxograma das diversas ”atividades” empresariais?

      • Cocainum disse:

        Traficantes do CV provavelmente não precisam desse decreto. Estou interessado em saber quem precisaria, LEGALMENTE, possuir 60 armas de fogo, 30 delas de grosso calibre.

        • Jorge Teixeira Carneiro disse:

          Para dar 60 tiros em 60 marighelles franga ao mesmo tempo, talvez

          • Cocainum disse:

            Eu pedi argumentos lógicos…

          • Jorge Teixeira Carneiro disse:

            Então não tenho argumentos.
            Se você não é traficante e não precisa tomar os pontos de venda de drogas dos concorrentes.
            Ou se você não é miliciano e precisa matar os comunistaviares que estão atrapalhando os negócios imobiliários.
            Você não precisa ter 60 armas.
            Eu não tenho nenhuma.

    • Colber Cardoso disse:

      Colecionador?

      • Cocainum disse:

        Colecionador não compra armas NOVAS. As pessoas não saem atirando e nem compram munição para armas de 50, 100 anos.

        • Daniel disse:

          Compra sim vai pesquisar.

        • Alexandre Lima disse:

          É isso que sua análise de inteligência apontou? Que absolutamente todos os colecionadores só colecionam armas novas? Depois dessa só vou sorrir e concordar ?

          • Cocainum disse:

            Acontece que os decretos colocam no mesmo balaio colecionadores, caçadores e atiradores. Se você coleciona, não precisa ter todas as armas modernas e prontas para disparar. Não haveria nenhum problema o cara ter 1000 armas em casa, com o cano fechado. Bem diferente de quem se considera “caçador” ou “atirador”.

    • Renan Rosa disse:

      De fato, seria pouquíssimo provável de um cidadão comprar 60 armas. Se restringisse a 20 já seria mais que suficiente para 99% dos atiradores (uma pistola custa uns 5k). O número 60 foi escolhido como se o Bolsonaro dissesse “o número de armas é ilimitado, veja como estou defendendo essa pauta, vou fazer uma média”. Obs: sou 100% favorável que um cidão tenha o direito de se armar.

    • Wellington disse:

      Não está em discussão o que a pessoa PRECISA TER, está em questão o respeito ao direito de qualquer cidadão possuir armas, seja 1 unidade ou 100 ou 1000.

      Um cidadão que quer uma arma para defesa provavelmente vai querer apenas 1 ou 2 no máximo, já aquele que caça vai querer ter 3 ou 4 dependendo do tipo de caça, agora aquele que coleciona vai querer possuir todas as armas que puder para seu acervo de coleção.

      É a mesma coisa daquelas pessoas que colecionam carros, moedas, cédulas, então novamente digo, não se trata de “precisar ter”, se trata de direito a aquisição.

      Qualquer cidadão tem o pleno direito de não gostar de armas, basta ele não adquirir nenhuma e está resolvido, está no direito de escolha dele, é muito mais facil para quem não gosta, agora para quem gosta é obrigado a conviver com esses ativistas sem vergonhas protetores de bandidos vociferando que ninguém precisa de armas, se eles acham que não precisam, porque andam de seguranças ARMADOS?

      Agora esse mesmo cidadão que não gosta de armas não pode usar o seu direito de não ter armas como ferramenta para cercear o direito daquele cidadão que quer possuir armas, o direito de escolha deve ser igual para todos tanto para aquele que escolhe não ter, quanto para aquele que escolher ter, isso seria uma democracia correta para o tema. E quanto ao direito de ter, não interessa qual seja a argumentação que os ativistas usem para cercear esse direito a ter armas, a mais pífia delas é que “existe a policia para proteger” te pergunto: a policia protege quem? A policia é uma instituição que só se faz presente depois que o crime acontece.

      Um cidadão JAMAIS vai passar por todas as burocracias para ter armas regulamentadas e jogar esse direito fora em uma atitude impensada, concordo que até acontece, mas são casos totalmente isolado. Num assalto, é mais fácil aparecer um atirador esportivo para coibir o crime do que uma viatura da policia. Imagine que uma quadrilha de bandidos planeje assaltar um estabelecimento e desconfia que lá dentro possa ter cidadãos armados, você acha que esse assalto vai acontecer? Agora te pergunto, mesmo cenário, mas agora os bandidos tem certeza que todos estão desarmados, qual o final da história?

      Armas, melhor ter e não precisar, do que precisar e não ter.

      PS: se meu texto que trata de direitos, para você não for um argumento lógico, então é porque você já tem uma opinião formada, logo não precisa perder seu tempo pedindo explicações, do contrario tenho certeza que tua visão estará mais esclarecida e democrática.

      • Sérgio Augusto Novaes disse:

        O sujeito sendo roubado abasteceria bandidos a pencas de uma vez só. 60 deles

        • Alexandre Lima disse:

          Opa, nada mais fácil que roubar alguém que sabe o que fazer com 60 armas rs

        • Wellington disse:

          Seu argumento não é válido, está esquecendo que bandidos invadem até quarteis e delegacias, outro dado importante, quase 90% das armas que abastecem o crime organizado vem de fora do país via fronteiras, mas não precisa acreditar em mim, estude, pesquise, use a internet ao seu favor.

          • Cocainum disse:

            A arma mais usada em homicídios no Brasil é o revolver 38. Essas armas não são contrabandeadas. Elas são fabricadas e vendidas no Brasil, de forma legal e depois se tornam ilegais ao serem roubadas e principalmente, furtadas.

    • Alexandre Lima disse:

      Colecionismo, vontade de ter uma arma de cada país, comprar diferentes armas de diferentes calibres pra atirar em latinha, comprar, aguardar 30 anos e vender por um preço maior… são muitas possibilidades. Pensa em carros, ninguém precisa ter varios, mas há quem goste. Agora me responde, com argumentos lógicos, porque a esquerda diz que mais armas aumentam o número de mortos sendo que a venda disparou e o número de mortos, caiu.

  18. VF-SC disse:

    O Partido das Trevas agindo para retirar o direito do povo ao acesso à defesa.

  19. Pastor Evangentalha disse:

    Sou cac desde 2015 e posso afirmar que esses decretos só beneficiam uma parcela mínima da população, a que tem dinheiro, visto que a arma mais barata das três que possuo custou com a documentação mais de 4500 reais, sem contar a anuidade do clube de tiro mais a munição utilizada, zé povinho não tem a mínima condição de possuir uma só, o único país do planeta onde armas são baratas é nos EUA que são os maiores produtores de “armas leves”, esses decretos são para satisfazer bolsonaristas que jamais terão condições de ter uma, então não vejo por que tanta histeria da oposição hipócrita!

    • Jorge Teixeira Carneiro disse:

      Verdade, mas se você comprasse de um bandido favel…quero dizer, morador da ”comunidadji” você pagaria só uns 500 reais por uma pistola com o número de marcação raspado..
      E sem burocracia…

    • roberto azmann disse:

      Concordo, a oposição petralha é HIPÓCRITA!!!

    • Wellington disse:

      Falou tudo e mais um pouco! Eu também sou atirador, um revolver 38 está custando mais de 4 mil reais, eu vou adquirir uma .40, parcelada claro, mas sei que a munição dela não será barata, no clube onde frequento a munição de 380 está 2,90 cada, sempre que vou lá não dou menos de 60 disparos visando manter a habitualidade e pontaria com o equipamento. Classe media baixa dificilmente conseguirá arcar e manter os custos para adquirir uma arma.

  20. Jorge Teixeira Carneiro disse:

    PT.
    Um dos partidos que mais abriga ONGs de Defensores de Bandidos.
    Os maiores índices de criminalidade da história.
    Os maiores índices de homicídios da história.
    E essa imprensa [email protected]@[email protected] comprada nunca divulgou pesquisa nenhuma.

    • Jorge Nicolau disse:

      Somente dois grupos são contra os cidadãos possuírem armas, os ladrões e os políticos, eles detestam vítimas que se defendem.

      • Jorge Teixeira Carneiro disse:

        É possível.
        Mas armas na mão de gente que não sabe usar não é uma boa ideia.
        O melhor seria o Brasil lançar uma campanha para desarmar e matar bandidos.
        O CoWitzel até que começou bem, a PM matou um monte de bandidos, mas depois ele se perdeu na corrupção de roubar verbas de combate à Covid com as ONGs do ”mario peixoto”

      • isilda disse:

        São três,o terceiro são os cidadãos de mente saudável.

        • Wellington disse:

          Eu acho que fomentar que cidadãos continuem morrendo como gado na mão de bandidos e não se defenda é conveniente e saudável até que aconteça com um dos deus, depois de acontecer é ai que a gente vê o choro e a seguinte pergunta de lamentação: “por que não apareceu ninguém pra defender?”

          • Sérgio Augusto Novaes disse:

            Wellington, não é assim que a lógica trabalha. Armas não resolvem problemas e se voce tivesse um ente querido que foi morto pelo pai, seu primo , voce pensaria diferente

          • Thexter disse:

            Pensamento bobo. Se você tivesse um parente morto por uma colher de pedreiro, você seria contra colheres de pedreiro….

      • Sérgio Augusto Novaes disse:

        Jorge, não sou ladrão, não sou esquerdista, e não sou político , mas sou contra o porte de armas. A posse em casa até concordo , mas sair armado por ai, sou totalmente contra .

        • Jorge Nicolau disse:

          Concordo em partes Sérgio, o porte realmente tem que ser mais restrito, mas a realidade brasileira não é uma só, existem localidades remotas onde a delegacia de Polícia mais próxima fica a alguns dias rio acima ou rio abaixo em regiões que telefones celulares nem funcionam, e esta população tem que se virar por conta própria. Não permitir que um colono de uma área remota dessas porte uma arma para defender a si e aos seus, isso sim é um crime.

        • Alexandre Lima disse:

          É igual carteira de habilitação, nao é obrigatório e se qualquer um pegar um carro sem saber o que tá fazendo, pode matar. E se você tiver solução pra garantir a segurança de cada mulher que volta pra casa as 10 da noite, a pé, numa rua escura, nos avise.

        • Jorge Teixeira Carneiro disse:

          Não vou nem responder.
          Leia o que eu escrevia abaixo.

      • Gilcimar Assunção disse:

        o terrorista vagabundo, que a filha carluxa paga para vc escrever essas idiotices, tinha uma arma, o terrorista afeminado foi roubado, levaram a moto e a a arma da biba, o que adiantou a biba ter uma arma?

      • Felix disse:

        Todas as pessoas sensatas são contra.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Se você chegou até aqui, uma pergunta: qual o único veículo brasileiro voltado exclusivamente para cobertura do Parlamento? Isso mesmo, é o Congresso em Foco. Estamos há 17 anos em Brasília de olho no centro do poder. Nosso jornalismo é único, comprometido e independente. Porque o Congresso em Foco é sempre o primeiro a saber. Precisamos muito do seu apoio para continuarmos firmes nessa missão, entregando a você e a todos um jornalismo de qualidade, comprometido com a sociedade e gratuito. Mantenha o Congresso em Foco na frente.

Seja Membro do Congresso em Foco

Apoie

Newsletter Farol Político

Perspectivas exclusivas e a melhor análise do poder

assine

Receba notícias também via